segunda-feira, 19 de março de 2007

CIDADE MARAVILHOSA


Acabo de chegar de uma viagem relâmpago ao Brasil. Não sei se por que desta vez fui a trabalho com um americano, o consultor de moda e bijoux Jimmy Moore, a tira-colo, eu vi nosso pais através dos olhos de um gringo, e voltei para Miami encantada, principalmente pelo Rio. Passei apenas um dia lá mas foi tão intenso e maravilhoso que não posso deixar de comentar e parabenizar o “Copa”. O hotel continua no auge de sua gloria, não só hospedando celebridades mas tratando cada um de seus hospedes como se fosse uma celebridade. O check-in foi rápido e eficiente. Em minutos estávamos instalados em quartos lindos com vista para a praia de Copacabana. Almocei e fiz todas as minhas reuniões na piscina, onde a cada instante passava uma pessoa conhecida, como Narcisa Tamborindeguy, Mario Bernardo Garnero e Roberto D’Avila. Isso por que só fiquei algumas horas!


Jantei com Gisella e Ricardo Amaral, que também não posso deixar de mencionar, o casal anfitrião da cidade e tão queridos amigos. Fomos no Pederneiras, recém inaugurado pelo filho deles, Bernardo, e Alexandre Accioly, jovens empresários da noite, que estão seguindo com muita propriedade a liderança da “velha guarda” carioca de mais alto padrão. O menu é assinado por Roberta, que também segue brilhantemente os passos de sua mãe, Laura Pederneiras, famosa e premiada banqueteira do Rio. O estabelecimento fica na praça Nossa Senhora da Paz, onde era o “Gourmet” (sociedade de Ricardo e o grande chef Jose Hugo Celidonio). A comida estava divina e o ambiente classudo mas descontraído. Encontramos lá Regina Casé.

No dia seguinte – antes de pegar o avião -- fui com a Gisella á Sociedade Providência. É uma belíssima entidade com o objetivo de educar crianças de 3 a 11 anos. Fiquei muito comovida! Havia mandado uma doação mas nunca imaginei o impacto! A entidade é hoje presidida por Dom Cipriano Chagas, monge beneditino, uma pessoa muito sensível e maravilhosa. O website deles é www.comunidadeemanuel.org.br. Não deixe de contribuir, seja dinheiro, alimento, brinquedos. É incrível como um pequeno gesto, um carinho, pode mudar o futuro de crianças carentes.

Bom, eu sei que prometi o capitulo II de Aspen, mas não pude deixar de relatar horas tão especiais que passei no meu pais, no paraíso tropical brasileiro. Fiquem ligados que logo teremos as novidades pré-prometidas!

Um comentário:

Claudia Fialho disse...

Cara Cris,
Adorei seu blog e agora vou acessar sempre pois tambem adoro viajar.
Obrigada pelos seus comentários sobre o Copa.
E alem disso você teve uma companhia encantadora, da sensacional Gisela Amaral.
Espero ve-la no Rio da próxima vez.
Abs,
Claudia Fialho